quinta-feira, 11 de setembro de 2014

Somos todos bactérias

Atualmente tem aparecido aqui e acolá expressões preconceituosas, que não condizem com a realidade da vida aqui na Terra. São expressões puramente humanas cheias de más intenções de pessoas pouco lúcidas. Seja pela cor da pele de cada um, pela opção sexual, ou outros motivos.
Somos todos macacos. Somos todos isso ou somos todos aquele outro, para contradizer essas expressões, são verdades, são reais.


Somos, sim, todos macacos.
Se nós pensarmos que os macacos, que não são nossos ancestrais, compartilham todos os preceitos básicos e muitíssimos outros complexos e ultra-complexos, somos, sim, então, macacos, também.
Mas somos mais que macacos. Somos aves, répteis, anfíbios. Somos todos árvores! Somos todos protozoários. Somos todos, enfim, a unidade básica da vida na Terra: a célula, que por excelência de ser vivo inteiro, único, "individualizado" é a bactéria. Os primeiros seres vivos por aqui.
Somos todos bactérias!!
Somos todos, no resumo da nossa ópera, apenas quatro letras: A, T, C e G. Adenina, Timina, Citosina e Guanina (há uma diferenciação na nomenclatura técnica no caso de uma delas em uma situação específica, que não vem ao caso, agora).
Essas quatro letras são as "bases nitrogenadas" que compõem TODOS os códigos genéticos da vida na Terra. Nós, os macacos, as aves, árvores, répteis, anfíbios, protozoários, etc. e bactérias compartilhamos as mesmas quatro bases nitrogenadas em nossos códigos genéticos. A diferença entre braços e asas fica por conta da disposição dessas letras, que traduzem proteínas que formarão estruturas diferentes, basicamente falando. A alteração de uma única letra pode significar a diferença entre vida e morte.
Tudo isso para explicar que todos nós humanos ("Homo sapiens sapiens"), surgidos na África há alguns milhões de anos, somos todos negros, isso, sim! Somos todos tudo o que a humanidade pode oferecer.
Temos os dois pés na África! Todos nós! De Hitler ao Fulano. Até o Zé Ninguém.

Por isso não somos todos pedras..., apenas se partirmos pela Biologia. Pois se partirmos pela astrofísica, somos todos pedras, também!!

#SomosTodosBactérias

Nenhum comentário: