segunda-feira, 21 de maio de 2012

Veja como foi a Marcha Veta, Dilma - Serra Gaúcha

O dia 20 de Maio de 2012 entrou para a história de Caxias do Sul. Foram 40 manifestantes que fizeram essa façanha: marcharam em apoio (e pedindo) ao veto presidencial integral à nova lei do Código Florestal Brasileiro. Foi a Marcha Veta, Dilma - Serra Gaúcha, que incluiu a região no rol de cidades, regiões, povo brasileiro pedindo para que a presidente Dilma Rousseff vete esse novo Código Florestal na sua totalidade.
O grupo percorreu ruas centrais da cidade num Domingo ensolarado e muito agradável. A marcha foi concluída no Parque dos Macaquinhos onde estava acontecendo o Festival de Música de Rua, com a presença de milhares de pessoas na área do parque.
Com apitos, nariz de palhaço, cartazes em punho, grito solto, o pequeno exército se fez retumbar pelas ruas de Caxias do Sul, num movimento muito lindo e cheio de apoio das pessoas que apreciaram. Muitos queriam saber o que tudo aquilo significava, o que se mostrou uma grande oportunidade para esclarecimentos à população.
Uma das faixas trazia os nomes dos Deputados Federais gaúchos que assinaram o início do fim das florestas no Brasil, envergonhando muitos de seus próprios eleitores!
A presidente Dilma tem até o dia 25 para apreciar a matéria. Nós, do Instituto Orbis, juntamente com milhões de brasileiros pedimos à presidente que vete TUDO quando da sua avaliação.
Veja abaixo as fotos.

                 


                                     


 

                                                                                                                            


                               

                                              

            

                       

                                              



            


                       


                                                                                                       






                  

                                

                                     

         

                                     

            




                                          


Nenhum comentário: